Boletim ASAGOL


Resumimos abaixo as atividades da ASAGOL na primeira quinzena de Agosto de 2014.


 Reunião na sede da ANAC em São Paulo discute implementação do FRMS nas empresas aéreas


A ASAGOL esteve presente no dia 04/08/14 na sede da Agencia Nacional de Aviação Civil em São Paulo para reunião conjunta entre a ANAC, entidades de classe e empresas aéreas que tratou da implementação no Brasil dos Sistemas de Gerenciamento de Risco da Fadiga (Fatigue Risk Management System - FRMS), conforme previsto pela ICAO. A nova lei do Aeronauta, atualmente em trâmite no Congresso, prevê a implementação do FRMS e a reunião teve como objetivo principal discutir o papel da Agência nesse processo.


O Cmte. Tulio, Presidente da ASAGOL, apresentou uma reanálise de dados colhidos pela ABRAPAC em 2012 que serão submetidos para publicação em breve em um periódico cientifico internacional. Também estiveram presentes na reunião os representantes do SNA e da ABRAPAC representando os aeronautas.


Ministro da Secretaria da Aviação Civil visita o SNA


No último dia 06 de Agosto esteve presente à sede do Sindicato Nacional dos Aeronautas o Ministro da Secretaria da Aviação Civil, Moreira Franco. O Cmte. Tulio, Presidente da ASAGOL, esteve presente à reunião em que foram abordados temas de interesse dos aeronautas. Entre os assuntos discutidos e muito bem pontuados pelo Cmte. Ceriotti do SNA, destacam-se (1) o trâmite da nova lei do aeronauta no Congresso, (2) a necessidade de mudanças na integração dos aeronautas ao sistema de aviação civil, e (3) o fortalecimento das empresas nacionais face a competitividade estrangeira. Esperamos colher ótimos frutos dessa interação com o alto escalão do Poder Executivo.


Reunião na sede da ABEAR em São Paulo aborda a proposta de mudança na Lei do Aeronauta


Ocorreu no dia 07/08/14 nova reunião entre os aeronautas (ASAGOL/SNA) e as empresas aéreas para discutir os termos da nova Lei do Aeronauta, Convenção Coletiva de Trabalho e possíveis Acordos Individuais de Trabalho, a serem firmados entre cada empresa e seus respectivos grupos de voo, buscando atender às diferentes demandas e peculiaridades de cada organização.


No próximo dia 21 de agosto haverá nova reunião em que as empresas deverão apresentar propostas consolidadas. O resultado dessa reunião definirá o rumo das negociações e da votação do projeto de lei no Congresso Nacional.


ASAGOL participa de debate promovido pela ANAC em Brasília


A ASAGOL esteve presente ao debate promovido pela ANAC em Brasília no dia 08/08/14 que tratou do tema "Desafios do setor de aviação civil" como parte do Ciclo de Planejamento Estratégico da Agência. Na ocasião o Diretor Administrativo da ASAGOL, Cmte. Renato Costa, expôs aos participantes algumas das questões que entendemos ser de relevância e fonte de preocupações para a segurança e desenvolvimento do setor de aviação civil no país nos próximos dez anos. Outros expositores apresentaram suas considerações, demonstrando que os problemas enfrentados na aviação regular estão presentes também em outros setores da aviação civil.


Assembleia Geral Ordinária


A Assembleia Geral Ordinária realizada no dia 13 de Agosto de 2014 teve como foco a prestação de contas aos associados. Seguindo a pauta divulgada previamente no Edital, foram apresentados:


1. Resultados da auditoria contábil realizada pela empresa SAPRI, relativa ao período de 2010 a 2013. O relatório da auditoria estará à disposição dos associados para consulta na sede da associação à partir da próxima segunda-feira.


2. Prestação de contas do primeiro ano da atual gestão e previsão orçamentária para o período de Setembro de 2014 a Agosto de 2015. A assembleia aprovou por unanimidade todos os itens apresentados nessa segunda fase.


Resultados Financeiros dos Planos PIT/PPCM


Foi realizada no dia 13/08/14 reunião com o objetivo de apresentar aos nossos associados a evolução financeira dos Planos de Incapacidade Temporária (PIT) e Perda Permanente de Carteira ou Morte (PPCM), desde sua criação até o presente momento.


Ficou evidente entre os participantes a necessidade de alterações estruturais nos planos para garantir sua sustentabilidade a médio e longo prazos.


Também foi apresentado um estudo preliminar com uma proposta de reestruturação dos planos a partir de um escalonamento das contribuições em função da faixa etária.

O trabalho seguirá pelas próximas semanas e os associados estão convidados a comparecer na sede da ASAGOL com suas sugestões. As alterações somente serão implantadas após um robusto processo de consulta/aprovação envolvendo todos os interessados.


Voar mais alto aumenta a dose de radiação ionizante?


Sim. Segundo a Organização Mundial de Saúde, entre 30.000 e 40.000ft a dose de radiação cósmica é cerca de 100 vezes o valor ao nível do mar. Em termos gerais, podemos dizer que a cada 6.000ft de altitude a dose efetiva de radiação dobra.


Conforme estudo preparado pela IATA, um tripulante/passageiro voando a 43.000ft na região polar está exposto à 8,5 µSv/hr de dose efetiva de radiação, enquanto que outro a 27.000ft na região equatorial recebe 1 µSv/hr. Portanto, não só a altitude, mas também a latitude influenciam na dose efetiva de radiação ionizante.


Texto adaptado da ACR Consultoria Aeronáutica Ltda.

© 2019 Associação dos Aeronautas da GOL - ASAGOL

Av. Washington Luís, 6817, sala 22, Santo Amaro, São Paulo-SP

Telefone: 11 5533-4197 | WhatsApp: 11 97691-6599 

Parceiros: