Abertura de capital das empresas preocupa aeronautas


Representantes do SNA e da ASAGOL reuniram-se no dia 27/08 em Brasília com o Assessor do Ministro Chefe da Casa Civil, Diogo de Santana, expressando sua preocupação perante a proposta de alteração no CBA que elevaria de 20% para 100% o limite de participação do capital estrangeiro nas empresas nacionais, abrindo caminho para o controle da aviação brasileira por empresas de outros países.


Ciente da seriedade do tema e sua importância para o país, o Assessor do Ministro se posicionou de forma favorável ao pleito dos aeronautas, a fim de evitar que o controle das empresas aéreas brasileiras passe às mãos de estrangeiros.


Ainda assim, ele ressaltou a necessidade dos aeronautas manterem o trabalho de conscientização de parlamentares e da sociedade.


Na mesma linha, o Assessor Especial da Secretaria Geral da Presidência da República, José Lopez Feijóo, com quem a categoria se reuniu na sequência, destacou a importância de se conseguir a adesão do Congresso às demandas dos aeronautas.


Por sua vez os aeronautas reafirmaram seu compromisso com a busca pela correta adequação do texto do CBA não só às melhores práticas internacionais como também, e principalmente, à realidade do mercado brasileiro.


Ainda em Brasília um importante passo no sentido da conscientização foi dado com o apoio do Senador Paulo Paim, que em discurso no Congresso destacou trechos da nota veiculada pelos aeronautas nos jornais Estado de São Paulo e Folha de São Paulo expressando sua preocupação e solicitando apoio contra a proposta de abertura total do capital das empresas nacionais para estrangeiros.


Confira o vídeo do discurso aqui.


Estiveram presentes em Brasília os Cmtes. Castanho, pelo SNA, e Sorza, pela ASAGOL.

© 2019 Associação dos Aeronautas da GOL - ASAGOL

Av. Washington Luís, 6817, sala 22, Santo Amaro, São Paulo-SP

Telefone: 11 5533-4197 | WhatsApp: 11 97691-6599 

Parceiros: